Mais do mesmo

Mais do mesmo... mesmo do que é demais! Há 13 anos... VOLTAREI A ESCREVER EM BREVE... maisdomesmo.np@gmail.com

sábado, 21 de agosto de 2004

Poema genial!

Um poema para o fim ou princípio dos vossos romances!

    ************************

    NÃO TE AMO MAIS.
    Estarei mentindo se disser que
    ainda te quero como sempre quis.
    Tenho a certeza que
    nada foi em vão.
    Sinto dentro de mim que
    não significas nada.
    Não poderei dizer jamais que
    alimento um grande amor.
    Sinto cada vez mais que
    JÁ TE ESQUECI!!!
    E, jamais usarei a frase
    EU TE AMO.
    Mas tenho que dizer a verdade,
    É TARDE DEMAIS.

    ************************


(Agora, leiam de baixo para cima)

NB - Recebido por e-mail - Autor desconhecido

1 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home


 
AJUDE-ME, CLICANDO NOS BANNERS!... OBRIGADO! AGRADEÇO A SUA PASSAGEM POR ESTE BLOGUE! COMENTE...