Mais do mesmo

Mais do mesmo... mesmo do que é demais! Há 13 anos... VOLTAREI A ESCREVER EM BREVE... maisdomesmo.np@gmail.com

sábado, 28 de janeiro de 2006

Reformas obscenas

Esta já circulou há uns meses, mas é sempre bom recordar, numa altura em que "sobra mês ao nosso salário":

*************************************************

Mecânicos substituem calendários de mulheres nuas por reformas de ministros

Mecânicos, bate-chapas, sucateiros e um vogal da junta de Pirescoxe têm andado numa lufa-lufa a substituir calendários de mulheres nuas com seios grandes, pelas declarações de rendimentos dos ministros com grandes dígitos. O que está a dar são as reformas obscenas que os ministros acumulam com ordenados provocantes.

"Há três anos que tenho a Carla Matadinho na parede. Agora vou trocá-la pela reforma de Campos e Cunha, que é muito mais indecente", confidenciou um mecânico de olhar lúbrico.

A excitação é tal que alguns ministros têm sido alvo de piropos lançados por homens das obras ao passar debaixo dos andaimes. Das pérolas mais frequentes sublinhem-se apenas duas:

"Contigo, reformava-me todos os dias"

e

"Comia-te essa pensão toda, ó Dr".

Etiquetas:

quarta-feira, 25 de janeiro de 2006

Gorros

Gostam de ver os vossos filhotes com gorros (e tem feito tanto frio!), mas não encontram nenhum original?

Eu resolvo o vosso problema:
façam uma visita ao blog da Ana Madragoa!

Etiquetas:

domingo, 22 de janeiro de 2006

Como faz a vaquinha?

Imitando a vaca

Muuuuuuuuu....

Etiquetas:

quarta-feira, 18 de janeiro de 2006

Sondagens

Estamos em plena campanha eleitoral (e ainda nem percebi muito bem qual a diferença com a época anterior a que eles chamam de "pré-campanha") e a toda a hora somos confrontados com sondagens.

Acho estranho, no meio das dezenas, centenas delas, até... que nunca me tenham telefonado a perguntar em quem tenciono votar!

Telefonam sempre aos mesmos, é? :)

sábado, 14 de janeiro de 2006

Bacalhau à Portuguesa

Dividir o bacalhau fresco em postas de 250 gramas;

temperá-las com sal e pimenta;

dispô-las numa caçarola de saltear, contendo (para cinco postas) 100 gramas de manteiga, 1 decilitro de azeite, 100 gramas de cebola picada e refogada em manteiga, um pequeno dente de alho esmagado, duas pitadas de salsa migada, 750 gramas de tomates migados e sem sementes, 100 gramas de arroz, cozido em três quartos de água salgada e 2 decilitros de vinho branco;

cobrir a caçarola e pôr sobre lume vivo a cozer durante dez minutos sem destapar;

passado este tempo, destapar a caçarola para fazer a redução, que deve estar pronta sempre ao mesmo tempo que o peixe, cuja cozedura completa exige dezoito minutos;

dispor o peixe numa travessa e cobri-lo com o molho e a guarnição.

BOM APETITE!

quarta-feira, 11 de janeiro de 2006

Atendimento... telefónico!

Da amiga Ana recebi este e-mail que me fez rir um pouco... por acaso numa altura em que não me tem apetecido muito fazê-lo.

Ora leiam!

*******************************************

TRRIIIMM... TRRIIIMM... TRRIIIMM...

Responde o atendedor de chamadas da Casa de Saúde:

"Obrigado por ter ligado para o Júlio de Matos, Instituto de Saúde Mental, a companhia mais adequada aos seus momentos de maior loucura."

* Se você é obsessivo-compulsivo, marque repetidamente o 1;
* Se você é co-dependente, peça a alguém que marque o 2 por si;
* Se você tem múltipla personalidade, marque o 3,4, 5 e 6;
* Se você é paranóico, nós sabemos quem é você, o que você faz e o que quer. Aguarde em linha enquanto localizamos a sua chamada;
* Se você sofre de alucinações, marque o 7 nesse telefone colorido gigante que você, e só você, vê à sua direita;
* Se você é esquizofrénico, oiça com atenção e uma voz interior lhe indicará o número a marcar;
* Se você é depressivo, não interessa que número marque. Nada o vai tirar dessa sua lamentável situação;
* Porém, se você votou Sócrates, não há solução, desligue e espere até 2009 (ou, segundo Mário Soares, até o Cavaco Silva ser eleito).
Aqui atendemos LOUCOS e não INGÉNUOS! Obrigado!

*******************************************

Pelos vistos, tem havido dinheiro para aulas de inglês... mas o fornecimento de leite às escolas tem estado comprometido, tendo havido, até, várias falhas na distribuição... por esgotamento dos "stocks"!

Que miséria...

Mas diz-se que a partir de amanhã tudo fica regularizado! A ver vamos... como diz o cego!

Entretanto, o Ministério da Educação prepara-se para transferir para as escolas e Agrupamentos a responsabilidade da aquisição e distribuição de leite! Política "de proximidade"... que, desde que haja dinheiro, acho muito bem!
Mas desconfio que um dia destes o Ministério não tem responsabilidade nenhuma (nem trabalho)!...

terça-feira, 10 de janeiro de 2006

Vestigia lectionis

"Impressões de leituras e sobre leitura", usando a expressão do amigo Paulo:

vestigia lectiones

Não tenham a mínima dúvida que vale a pena visitar e guardar na pasta dos vossos favoritos!

Etiquetas:

Transferência

A mãe de um determinado aluno de uma determinada escola foi à sede do respectivo Agrupamento entregar um Boletim de Transferência (modelo 0215 - exclusivo da Editorial do Ministério da Educação).

Na parte da fundamentação escreveu:

"a criança não se adapta ao método de ensino praticado pelo professor, nem à maneira autoritária como o trata."

O Conselho Executivo, à boa moda dos tempos de guerra em que primeiro se dispara e depois se pergunta "quem vem lá?", perante tais alegações (tão vagas, ridículas e carentes de fundamentação quanto atentatórias do bom nome e da dignidade profissional do dito professor), deferiu o pedido sem ouvir a versão do docente!

Falta saber se a encarregada de educação tem garantias de que a nova professora do menino pratica um método de ensino do seu agrado (já nem digo do agrado do filho) e se não é autoritária (?!) como o outro.

Bem... tinha-vos falado, no post anterior, de um problema de intoxicação alimentar numa escola de Coimbra e das consequências que daí poderiam advir para uma pessoa que lá trabalha. Deixem-me só dizer uma coisa, alto e bom som:

estamos entregues à bicharada... sejam eles bactérias ou germes "de duas pernas"!

Etiquetas:

Intoxicação alimentar

Depois do almoço, li no jornal:

"Um gérmen presente nos douradinhos servidos ao almoço é a causa provável de uma intoxicação alimentar que levou ao hospital, pelo menos, 17 alunos da Escola Alice Gouveia, em Coimbra."

São coisas que acontecem, dirão! Até em casa de qualquer um de nós isso pode suceder. Basta um ovo estragado...

É verdade, são coisas que acontecem... mas esta tem a particularidade de poder corresponder ao despedimento de uma amiga minha, que tem dois filhos para criar!

Nas escolas, não são só os professores que podem ter - e têm - problemas. As cozinheiras também!...

sexta-feira, 6 de janeiro de 2006

Quase surreal

Há pouco entrei na cozinha, onde a minha filhota devorava um ovo cozido e onde travei este diálogo (que traduzo já para português corrente):

- Papá, a Raquel fez um disparate!
- Ai sim? O que fizeste?
- Entornou um pouco de sumo - explicou a minha esposa.
- Papá, vou para o castigo?
- Oh, não! Deixa lá, não é preciso!
- Mas eu quero ir para o castigo!


Fantástico!
Não pude deixar de esboçar um sorriso, ao mesmo tempo que imaginei como seria o mundo dos adultos se existisse sempre este sentido de justiça, honestidade e coragem em assumir as consequências dos erros cometidos!

quinta-feira, 5 de janeiro de 2006

Objectivos de vida

Recebido por e-mail (obrigado, Cristina):


****************************************************

Os objectivos de vida dos portugueses tem sofrido algumas modificações, nos últimos tempos. Ora vejamos:

Aos seis anos, o objectivo é ter um telemóvel;

Aos 8 é ter uma playstation;

Aos 14 é jogar futebol num clube grande;

Aos 18 é entrar numa universidade no curso de Consultoria sobre visões intermédias em edifícios inteligentes, mas não muito;

Aos 22 é arranjar um emprego na função pública;

Aos 27 é casar com uma gaja boa;

Aos 30 é divorciar-se;

Durante os 30 é andar a curtir a vida;

Aos 40 é casar com uma moça que não chateie muito a cabeça;

Aos 55 é pedir a reforma antecipada;

Aos 60 é cuidar dos netos;

Aos 80 é candidatar-se a Presidente da República!

****************************************************

Está bem visto... hehehe!

E por falar em eleições:

espero, para bem da nossa paciência e da poupança de uns milhares de euros, que tudo se decida na 1.ª volta... ganhe lá quem ganhar! :)

quarta-feira, 4 de janeiro de 2006

Só para debicar



O Mais do mesmo cumpre 2 anos, mas, infelizmente, não há banquete! Pensei que com o dinheiro das horas extraordinárias conseguisse oferecer uma jantarada aos amigos, mas como o Estado fica com 41,5 % desse dinheiro... está bem de ver quem é que se pode banquetear!

Mas vocês podem ir debicando um baguito!...

Atenção: não abusem, que o tempo é de crise! :)

Etiquetas:

2.º aniversário

E eis que chegou o segundo aniversário do Mais do mesmo!...

Mais de 650 posts...

... mais de 35 mil "pages views" desde 09/02/2004...

... mais de 25 mil "hits" desde 01/09/2005...

... muitos "amigos novos"...

... muitos encontros e reencontros...

... mais paciência do que a que julguei ter...

... e os objectivos continuam a ser os mesmos!

Obrigado por passarem por cá! Voltem sempre!...

Etiquetas:

terça-feira, 3 de janeiro de 2006

Recomeço do ano lectivo

Foi ontem, dia 2 de Janeiro, o recomeço do ano lectivo. Mas isso já todos sabem... claro!
O que nem todos sabem é que três dos meus alunos faltaram às aulas. Motivos?

Bem, as justificações foram estas:

  • a C.R. foi passar as férias e a Passagem de Ano à Madeira e não havia voo de regresso mais cedo;

  • o A.J. acordou a vomitar... e ficou em casa para se restabelecer;

  • a I.C. não compareceu porque a encarregada de educação se esqueceu que as aulas iam recomeçar na 2.ª feira!

    Sinceramente, até fiquei admirado por não ter havido mais ausências.
    Faz algum sentido começar as aulas tão pouco tempo depois do "Réveillon"? :)

    Etiquetas:

  • Está lá?

    Telefonema

    Eis como estar de tanga e ter um bom... telemóvel!... :P

    (Tenho quase a certeza que é um Nokia 7650; por falar nisso, vou ter de comprar uma bateria nova para o meu... ou então vou pensar em vendê-lo... para não ficar eu "de tanga")

    Etiquetas:

    segunda-feira, 2 de janeiro de 2006

    Ano novo, vida nova?

    O povo costuma dizer:
    "Ano Novo, vida nova"!

    Mas com os aumentos dos combustíveis (para não variar), dos transportes (outra vez), da electricidade, da água (em Coimbra, mais de 12%), do gás, das rendas, das taxas dos empréstimos para a habitação (ai ai), do tabaco... a não acompanharem o aumento dos ordenados... acho que sim, que vai haver muita gente a começar uma vida nova... a fumar... para "acalmar os nervos"!

    Eu ouvi dizer que a Função Pública, pelo 7.º ano consecutivo, vai perder "poder de compra", com aumentos dos ordenados inferiores à inflação!

    Em Portugal, os ricos cada vez são mais ricos e os pobres são cada vez mais pobres! E eu pergunto-me: haverá algum país que possa progredir quando a sua classe média fica mais vez mais enfraquecida?


     
    AJUDE-ME, CLICANDO NOS BANNERS!... OBRIGADO! AGRADEÇO A SUA PASSAGEM POR ESTE BLOGUE! COMENTE...