Mais do mesmo

Mais do mesmo... mesmo do que é demais! Há 13 anos... VOLTAREI A ESCREVER EM BREVE... maisdomesmo.np@gmail.com

quinta-feira, 29 de setembro de 2005

Um sítio caro (II)

Fui atestar o depósito do meu meio de transporte, que o mesmo é dizer do meu Opel Astra (um dia hei-de ter um automóvel daqueles a sério, tipo um BMW... ou um Mercedes... ou um Saab... mas ainda não sei como vou conseguir isso com o meu ordenado de professor) e, para o efeito, gastei 60 €!

Parece que ainda foi ontem que fazia isso com 40 ou 45 €... o que eu já achava uma "brutalidade"!

Mas nem vos conto como me sinto quando me lembro do meu primeiro carrito, um Mini, e que com 5 € (na altura uma nota de 1000 escudos) andava durante toda a semana...

Etiquetas:

quarta-feira, 28 de setembro de 2005

Ano Internacional da Física

Este ano de 2005 é o Ano Internacional da Física.

Por esse motivo, estive ontem, com muitos outros colegas de diversas escolas, numa apresentação que decorreu na Casa da Cultura de Coimbra e que contou com a presença de Carlos Encarnação (Presidente da Câmara), José Manuel Silva (Director Regional da Educação do Centro), José Dias Urbano (Comissário Nacional para as comemorações do Ano Internacional da Física e também Presidente da Sociedade Portuguesa da Física) e Constância Providêncio, uma professora de Física que tem dedicado muito do seu tempo a "levar a Física" às escolas e que deliciou a plateia com uma série de pequenas experiências, com a ajuda de uma turma da EB 1 de Montes Claros!

Foi apresentada a "Caixa da Física", que contém lanternas, aquários, frascos, taças de plástico, termómetros, células solares, cronómetros, plasticina, kits de electricidade, luz e som, imanes e bússolas, entre outras coisas!

Qual a sua finalidade?

O grande objectivo é que os alunos possam começar a fazer experiências, a observar e a medir e comecem a "perceber porque é que as coisas são como são"!

O problema é que, num país em que se esbanja tanto dinheiro em coisas que nem chegamos a saber e muito menos a usufruir delas, não haverá uma "Caixa" por cada uma das 88 escolas do concelho, mas sim uma por cada um dos 9 Agrupamentos, o que vai implicar que se adopte um sistema de itinerância. Oxalá não se perca nada nas inúmeras viagens que as "Caixas" vão ter de fazer... :)

Para uma mais completa informação do que se passou, incluindo excertos das intervenções das "individualidades" supracitadas, recomendo a leitura deste artigo do diário "As Beiras".

quinta-feira, 22 de setembro de 2005

Um sítio caro

Cheguei a casa e disse à minha esposa:

- Passei pela CGD para actualizar a caderneta; já depositaram o teu ordenado!
- Ai sim? Então... apetecia-me ir a um sítio caro!
- Por mim pode ser! Vamos já a uma bomba de gasolina!

(as duas primeiras frases deste diálogo são reais, a terceira é copiada dum e-mail que recebi, mas digam lá se não é passível de acontecer em milhares de lares deste país?)

Etiquetas:

quarta-feira, 21 de setembro de 2005

Fátima Felgueiras

Três ideias e uma pergunta:

1 - Fátima Felgueiras "ausentou-se" (eufemisno de "fugiu") do país há mais de 2 anos para não "prestar contas" à Justiça!...

2 - Fátima Felgueiras voltou agora ao país, aparentemente avisando e combinando com a Justiça que ia voltar, para - finalmente! - "prestar contas"... e saiu em liberdade!...

3 - Fátima Felgueiras vai ser candidata à Câmara e vai gozar de imunidade.

4 - Foi impressão minha... ou ela foi recebida e aclamada como uma heroina?

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

E como estamos em época de eleições... lembro-me sempre da conversa daqueles dois amigos:

O político

Etiquetas:

Alvorada? Estamos na tropa ou quê?

Às seis da manhã a minha filha acordou a chorar, pedindo leite com "iucolate" e - imaginem só! - que queria ver "bonecos"!

Quem se levantou foi a minha esposa (é o dia de folga dela), que me informou que o Panda, a essa hora, não tinha os desenhos animados dobrados em português!

Parece que isso não incomodou a miúda... que viu os bonecos e cirandou pela casa como se fossem 4 h da tarde... mas espero bem que se deixe destas ideias tristes nas próximas 365 manhãs! :P

É que acordar às 6 da matina, ir trabalhar das 8 h às 13 h com uma turma de 20 crianças, conversar depois com um EE durante meia hora, ir a uma reunião da Comissão de Avaliação Especializada (é já a seguir, nem sei quanto tempo vai demorar), ir a uma reunião, como EE da Raquel, no infantário dela... deixa qualquer pai "à beira de um ataque de nervos"! :)

sexta-feira, 16 de setembro de 2005

Pedido de esclarecimento

Vou lendo e ouvindo as notícias, vou lendo alguns artigos... mas preciso de me esclarecer sobre um pormenor:

vamos ter primeiro as Eleições Autárquicas... ou a Presidenciais?

É que ouço falar mais (ou tanto) em Mário Soares, Manuel Alegre, Cavaco Silva, Francisco Louçã e Jerónimo de Sousa do que nos candidatos às Câmaras de Lisboa, Porto, Braga, Coimbra ou Guarda... e ainda nem sequer sei quem são os candidatos à "minha" Junta de Freguesia!...

Etiquetas:

quinta-feira, 15 de setembro de 2005

Começaram as aulas!

Tive hoje o primeiro contacto, embora breve, com os meus alunos. Sorrisos tímidos, olhares curiosos, passos hesitantes... e muita vontade para conhecer a escola e fazer brincadeiras! :)

O encontro foi breve porque a prioridade deste primeiro dia foi o contacto com os pais: a apresentação do professor e restante equipa educativa, a explicação de regras elementares de funcionamento da escola, o calendário escolar, a entrega de documentos, questionários, lista de materiais necessários, a Caderneta Escolar... e todas as explicações consideradas oportunas para o correcto preenchimento dos documentos e para a compreensão da utilidade ou finalidade de tudo o que estava a ser abordado... e finalmente, uma breve explicação sobre a metodologia que o professor tenciona adoptar no processo de ensino/aprendizagem que agora se inicia.

A ideia que me ficou é que todos saímos satisfeitos desta primeira reunião... pelo que fica aqui registado, pelo menos da minha parte, que se pode considerar este "arranque" como extremamente positivo, enriquecedor e motivador!

Se encontrarem por aí alguém que tenha uma opinião diferente... façam o favor de me avisar, certo? :)

Etiquetas:

segunda-feira, 12 de setembro de 2005

Primeiro Conselho Pedagógico

Acredito que alguns dos leitores que tenham passado ultimamente pelo "Mais do mesmo" estejam a ficar com a ideia de que transformei este blog num "dário dum professor", mas embora isso esteja a ser assim nos últimos dias, não é essa a minha intenção. Já expliquei que, ao falar de mim, estou a falar de muitos outros colegas que estão nas mesmas circunstâncias... e estou a tentar dar uma ideia, para todos aqueles que dizem que "os professores não fazem nada"... de que as coisas não são bem assim como insinuam ou afirmam!

Quando criei este blog escrevi, no primeiro post, que o fazia para ter "um meio privilegiado para manter o contacto com os muitos amigos que tenho espalhados pelo país... e que de vez em quando querem saber se ainda estou vivo!"

Isto continua a ser verdade, sei que é deste modo que alguns vão acompanhando "o seu amigo"... embora haja muitos leitores que, não me conhecendo de lado nenhum, também já querem saber "as últimas dum professor eleito para um cargo que não queria"... entre outras coisas, como as minhas análises ao mundo do futebol, mas isso - já sabem - é ali no "Campo Inclinado"! :)

Feito este intróito, o que se passou hoje?

Pois bem, houve reunião dos CDTT's, onde se fez a preparação da primeira reunião dos EE e se começou a pensar num documento comum para se fazer a avalição diagnóstica.

De tarde... o primeiro CP! Não vou dizer que ia "a tremer", mas é verdade que ia numa atitude de grande expectativa.
Para já, não houve um ambiente muito formal, como eu imaginava que acontecesse... o que me foi deixando um pouco à vontade.
A ordem de trabalhos contemplava 4 pontos, que foram sendo "despachados", uns mais rapidamente do que outros, mas, ainda assim, a reunião durou à volta de 3 h 30 min! Hoje a Raquel foi a pé (com a mãe) para casa... ah, pois foi! :/

Os professores ouviram-se, todos podiam intervir sobre (quase) todos os assuntos, houve necessidade de se proceder a algumas votações... e eu ainda "fui a tempo" de melindrar uma colega que "tem 33 anos de serviço", como ela fez questão de referir, com uma observação/comentário que fiz, quando se discutiam os critérios de escolha dos professores para as aulas de substituição e se discutia "o que fazer nessas aulas" (nos 2.º e 3.ºs Ciclos)!...

Pois é, "aprendi" que temos de escolher bem os termos que usamos... e temos de medir bem "o que dizemos", porque nem sempre é exactamente o mesmo do que "o que queríamos dizer"! :P

Querem saber o que é que eu disse? Está certo... eu sacio essa vossa curiosidade:
disse que, se eu fosse aluno "neste tempo", ia "odiar" estas aulas de substituição, porque eu "adorava" quando tinha um "furo" e podia ficar à conversa com os meus amigos... ou escolher livremente para onde ir e o que fazer (mesmo sem sair da escola). Também disse que os professores tinham de confiar na sua capacidade de improvisação, sem prejuízo de que haja actividades previamente preparadas, porque alguns estavam preocupados com a possibilidade de poderem "repetir actividades com esta ou aquela turma". Por fim acrescentei que me parecia que estavam a esquecer "o que quererão os alunos fazer nessas aulas"... sendo que essa deveria ser a sua primeira preocupação nas primeiras aulas, antes de preparem um manancial de actividades que depois se poderiam relevar não-coincidentes com os interesses dos alunos!...

Pois é... a referida colega "melindrou-se" com estas observações, principalmente com esta última. Tive pena... :)

Mas o que resultou, em termos práticos para mim, é que fiquei com mais uns "encargos", ou seja, passei a fazer parte de 3 "secções especializadas" do CP:

  • Comissão Especializada da Avaliação de Docentes
    (e já tenho 3 relatórios para ler... e relatar)

  • Acompanhamento do PAA

  • Acompanhamento do PE

    Agora façam lá o favor de dizer que os professores "não fazem nada"!
    (estou a lembrar-me concretamente dum certo leitor que vinha aqui escrever uns comentários, assinando como "Trolha"!)

    Etiquetas:

  • sexta-feira, 9 de setembro de 2005

    As rosas têm espinhos

    Terminou a primeira semana com esta nova realidade de, para além de simples professor, ter a cargo a coordenação de uma estrutura de orientação educativa.

    Não é um cargo que desejasse, não é um cargo para o qual me sentisse ou sinta vocacionado, não é um cargo fácil de exercer... e digo-o sem nunca ter ido representar o CD no CP, o que só irá suceder na próxima 2.ª feira! Muito provavelmente direi, então, que é "brutalmente difícil"! :)

    Se é verdade que, após o choque inicial, tudo tenho tentado fazer para rapidamente entrar na "engrenagem"... se é verdade que tudo tenho tentado fazer para que as reuniões sejam dinânimas e produtivas... se é verdade que, até agora, tenho recebido muitos elogios (quase sempre em privado) em relação ao meu poder de comunicação e forma de moderar e saber fazer "o ponto da situação" - o que me tem ajudado a encarar esta situação com algum optimismo e ânimo -, também é verdade que hoje percebi que "todas as rosas têm espinhos"! Aliás, eu já sabia...

    Mas por que digo isto? Porque a primeira crítica negativa (e logo em público) sobre a minha forma de conduzir as reuniões chegou hoje, pela boca do colega que era o último que eu esperava que a fizesse, e que, por acaso, até faltou às reuniões dos últimos dois dias!

    Para além de ser um dos poucos professores que eu já conhecia - e já há anos -, para além de ser uma pessoa que também já exerceu cargos semelhantes, para além de ser uma pessoa que tem no seu currículo uma grande actividade sindical (e do "meu" sindicato), foi alguém que me confessou há uns dias que tinha aceite um cargo na sua escola para que ficasse logo inviabilizada, desse modo, a sua possível eleição precisamente para o cargo que eu ocupo!

    É lixado (com "f")!

    Seja como for, não se preocupem... porque acho que soube responder-lhe à altura... e continuamos amigos, pois claro! :)

    Etiquetas:

    quarta-feira, 7 de setembro de 2005

    Primeiros passos

    Imagino as perguntas que alguns terão para me fazer:

    "como tem corrido o trabalho? Como te tens sentido no exercício das novas funções?"

    Devo confessar que... muito bem, graças à colaboração empenhada de todos os colegas e aos elogios com que algumas das "malvadas" que votaram em mim me têm mimoseado. Também não vejo que lhes reste outra solução... hehehe! :P

    O certo é que o regimento do CD está "arrumado", bem como a estrutura do Projecto Curricular de Turma!

    O Plano Curricular de Escola está em fase "adiantada", graças ao trabalho que já havia sido realizado o ano transacto, bem como ao labor da Vice-Presidente do CE que, durante as férias, organizou o "material". Um dos assuntos para a reunião de amanhã será, precisamente, discutir/aprovar alguns pormenores da estrutura do PCE...

    Mas é claro que há o "reverso da medalha": ontem saí da sede do Agrupamento já perto das 18:30 h e hoje o relógio aprestava-se a dar as 6 badaladas! Graças a isso, ainda não voltei a ir à minha escola, pelo que ainda nem sequer conheço a sala em que irei trabalhar!
    (Como já estou a ver o que me está reservado para o futuro, se encontrasse agora a Ministra da Educação, perguntava-lhe o que devo fazer quando ultrapassar as "35 horas semanais" e se o Ministério da Educação paga "horas extraordinárias"!)

    Resumindo: quase não fiz outra coisa senão tratar de assuntos relacionados com a escola, sem que tenham a ver directamente com o meu trabalho "pessoal", que terei de realizar brevemente, pois as actividades lectivas terão início já no dia 15 de Setembro!

    Como consequência desta permanência quase constante na sede do Agrupamento, nem sequer vi um único minuto do jogo Rússia vs Portugal... do qual a única coisa que sei é que alguns portugueses, incluindo alguns jornalistas (ou deverei dizer "jornaleiros"?) ficaram aborrecidos e sem grandes motivos para achincalhar o Ricardo, pois o montijense não deu nenhum "frango" e, em dois jogos, não sofreu golos!... :)

    Bem... agora tenho de ir organizar e arquivar alguns papéis e começar a pensar no que terei de dizer na reunião de amanhã, bem como nas metodologias de trabalho a propôr/implementar nos próximos dias!

    Então até já... vou ali fazer uns furos!

    Etiquetas:

    terça-feira, 6 de setembro de 2005

    Estou em pânico!

    A manhã foi ocupada com eleições dos seguintes cargos:

  • Coordenador do CD
  • Coordenador do CDTT 1.º/2.ºs anos
  • Coordenador do CDTT 3.º/4.ºs anos

    Depois disto, os professores reuniram por estabelecimentos de ensino e ajustaram o horário das turmas, bem como o horário para a primeira reunião com os EE (encarregados de educação), que têm de ser afixados em breve.

    Mas adivinhem lá quem é foi eleito como Coordenador do CD!

    Exacto! Acertaram!
    (Que erro cometeram os colegas!...)

    E a mim só me resta gritar:

    Socoooorro!
    Socoooooooooooorro!
    Socoooooooooooooooooooooooooorro!
    Socoooooooooooooooooooooooooooooooooorro!


    E para o caso de não terem percebido:

    Heeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeelp!
    Au secouuuuuuuuuuuuuuuuurs!


    Agora, na parte da tarde, vai haver mais uma reunião do CD, já coordenado pelo novo coordenador (socooooooooooooorro!) desta vez para ler/modificar/complementar/aprovar o "famoso" regimento... que, afinal, já está "semi-elaborado" (falta decidir uns pormenores) desde o final do ano anterior... mas continuo sem perceber por que não "apareceu" mais cedo! Bem... algumas coisas vão ter de mudar! :)

    Vou almoçar... mas não sem antes repetir:

    Socooooooooooooorro!
  • Etiquetas:

    segunda-feira, 5 de setembro de 2005

    Desânimo vs ânimo

    Das poucas conversas que tenho tido com algumas das minhas novas colegas tem ressaltado a ideia de um certo desânimo latente.

    Uma, porque já pediu a reforma em Abril e agora está a ser "obrigada" a "pegar" numa turma... não sabe por quanto tempo; outra, porque pensava que se reformava dentro de 1 ano e agora vê-se "obrigada" a prolongar uma carreira em que sente que pouco ou nada tem a acrescentar, face ao cansaço e aos problemas de saúde que vem acumulando ao longo dos anos; uma outra porque não conseguiu a colocação que pretendia...

    E eu? Bem, eu devo confessar-vos que não sinto o entusiamo que costumava sentir no início de cada novo ano lectivo... pelas mais variadas razões!

    A minha colocação, embora seja a 2,5 kms de minha casa e, à partida, se possa considerar um "luxo", não foi a minha primeira opção, uma vez que pretendia continuar a leccionar na escola onde estive o ano passado... e isto porque, muito provavelmente, a vaga que me poderia permitir isso (há sempre a hipótese de alguém mais graduado do que eu pretender o mesmo lugar e ser lá colocado) não apareceu a concurso, uma vez que é suposto que a professora efectiva nesse lugar o ocupe. É suposto... só que, na realidade, essa colega, que vai a uma Junta Médica em breve, muito provavelmente não vai leccionar. Será outro/a professor/a a ocupar esse lugar, um pouco mais tarde...

    Dir-me-ão que a Lei é assim... mas... é "justo" que assim seja?

    Hoje, porque ainda tinha lá coisas para fazer, fui à minha ex-escola... onde confirmei esta "estória" e onde fiquei a saber que muitos dos pais dos meus ex-alunos têm manifestado uma grande tristeza pelo facto de os filhos deixarem de ter o professor que tinham... isto independentemente de até poderem ficar a lucrar com a mudança... porque, felizmente, há muitos e bons professores neste país! :)

    Se algum destes pais ler estas linhas pode ficar com a certeza que eu tentei cumprir o que prometi, ou seja, que ia tentar ser novamente colocado na mesma escola para poder continuar o trabalho iniciado! Tal não foi possível... mas disso eu não tenho culpa!

    Mas numa altura em que é o desânimo e a incerteza que "mais ordenam", face a um conjunto de circunstâncias que vão determinando o rumo da carreira docente, foi muito reconfortante receber essas informações sobre o sentir de muitos pais dos meus ex-alunos! Obrigado! :)

    Etiquetas:

    Reunião do CDTT

    E o "programa de festas" continuou!...

    Os professores foram divididos em dois grupos, ou melhor, em dois CCTT (Conselhos de Docentes Titulares de Turma): um com os professores dos 1.º/2.ºs anos e o outro com os professores dos 3.º/4.ºs anos.

    Uma das ideias era fazer-se a análise do PE e, ao mesmo tempo, ir-se sugerindo actividades para o PAA.
    No meu grupo, bem ou mal, isso ficou feito... embora se possa dizer que fica muita coisa "em aberto", ou porque alguns professores acham que muitas das actividades sugeridas apenas devem fazer parte do PCT - e isso ainda tem de ser discutido - ou porque se sabe que a maior parte das actividades acabam por "ir surgindo" ao longo do ano, já que as escolas recebem inúmeras solicitações/sugestões por parte de n entidades/parceiros.

    Mas uma das coisas que nos foi solicitada era que fizémos o regimento do CDTT. Obviamente... não foi feito... até porque acho ridículo essa tarefa não ser executada por todos os professores, num grupo só.

    Faz sentido para alguém que havendo dois CDTT's com as mesmas competências, atribuições e objectivos existam dois regimentos diferentes?

    Entretanto, se alguém tiver por aí um regimento "a mais" já elaborado... eu não me importo nada de o receber! :)

    Etiquetas:

    sábado, 3 de setembro de 2005

    Mais sobre colocações

    Não foi na Assembleia da República, não foi numa reunião com os Sindicatos de Professores... foi num comício partidário que o Primeiro Ministro de Portugal anunciou que o próximo concurso de professores «será válido por um período de três ou quatro anos, conforme a duração do ciclo de ensino».

    À partida, a notícia não é má... só que ninguém sabe (bem... eu não sei) como é que isso se vai processar.

    Mas, assim de repente, ocorrem-me algumas perguntas:

  • isto abrange que professores: os do QND e/ou os do QZP?

  • o que acontece a um professor do QZP que ocupou a vaga de outro colega do QND que esteve doente num ano, mas que retoma o seu lugar no ano seguinte?

  • o professor é obrigado a permanecer na escola em que foi colocado... ou vai ter hipóteses de mudar se, por exemplo, quiser aproximar-se da sua área de residência... ou - porque também acontece -, não gosta e/ou não se identifica com uma determinada escola e/ou colegas?

    Nesse tal comício partidário, disse ainda o Primeiro Ministro:

    «Pusemos na ordem o concurso de professores e o ano lectivo pode começar com normalidade. Alguns políticos ainda coram de vergonha quando se fala nisto»
    .

    Bem, era o que mais faltava não terem aprendido nada com os erros cometidos, ainda para mais quando os erros informáticos já tinham sido resolvidos pelo Governo anterior!...

    Mas foi pena que o Primeiro Ministro se tivesse esquecido disto:

  • os professores do 1.º Ciclo foram obrigados a concorrer sem terem conhecimento das vagas;

  • não foi publicada uma lista de graduação provisória que permitisse que os professores reclamassem, se fosse caso disso...

  • as listas de colocação não foram publicadas dentro do prazo, ou seja, no decorrer da 3.ª semana de Agosto.

    Depois... também aconteceram coisas como estas aqui relatadas... também ficaram milhares de professores por colocar (incluindo professores do QZP)... foram colocados professores com horários de 1 hora... mas ainda bem que o Governo está satisfeito porque "alguns políticos ainda coram de vergonha quando se fala nisto"!

    Etiquetas:

  • sexta-feira, 2 de setembro de 2005

    Um dia, duas reuniões

    Às 9:30 h começou-se com uma reunião geral de todos os professores do Agrupamento, onde, para além das naturais saudações e apresentações do Conselho Executivo, o "recado" principal, o mais pragmático, foi um relacionado com as faltas que os professores "costumam dar", nomedamente antes, entre e após feriados e fins de semana. Foi um discurso que, de certa forma, me deixou "confuso"... para "primeiro contacto", sentimento que não me abandonou, mesmo após a oferta de um café e de um bolo!

    Adiante!...

    Às 11 h aconteceu outra reunião, desta feita só com os professores do 1.º Ciclo, onde nos foi apresentado o plano de trabalho para os próximos 10 dias! Fiquei "arrasado", só de ver/ouvir o que está programado! :)

    Das duas uma:
    ou já há "trabalho feito" dos anos anteriores e agora a tarefa será "apenas" o de reformular/adaptar... ou não é em 8 dias que se vai conseguir construir o que, em outros anos e noutros Agrupamentos, demorou semanas/meses a ser concretizado!

    Estou a falar de quê?

    De ler, tomar conhecimento, reflectir, apresentar propostas, refazer, construir... conforme o caso... documentos como o Projecto Educativo, o Regulamento Interno, o Plano Anual de Actividades, o Plano Curricular de Escola, o Plano Curricular de Turma, os critérios, parâmetros e instrumentos de avaliação... isto sem falar de um "sem número" de "pequenas coisas" que cada professor precisaria de fazer (e não sei se terá tempo!), como conhecer a realidade concreta do seu estabelecimento, preparar a recepção dos alunos do 1.º ano e, claro, de todos os outros, preparar a reunião com os Encarregados de Educação, preparar livros e materiais pelo menos para a 1.ª semana, preparar inquéritos e questionários para poder fazer uma primeira caracterização da sua turma, etc, etc, etc...

    Não sei se estão a pensar na hipótese de ficarmos a "pernoitar" na sede do Agrupamento... mas pareceu-me um plano de trabalho demasiado ambicioso/extenso... pelo menos para mim que, sendo novo neste Agrupamento, ainda nem sequer tive hipóteses/tempo para tomar contacto com a sua realidade e problemáticas, quer educativas, quer sociais e nem tão-pouco de ler o Projecto Educativo... que, por acaso, já tenho na minha posse!

    Bem... já sei o que estão a pensar: de que estou à espera para começar a lê-lo? :)

    Certo! Como diz o Vizinho:
    "até logo, vizinhos.
    Vou pra dentro!"

    Etiquetas:

    quinta-feira, 1 de setembro de 2005

    Há gostos para tudo



    A brincar, a brincar...

    Começou o ano lectivo 2005/2006

    Às 9:30 h a apresentação e preenchimento de papeladas na sede do Agrupamento, às 11 h a primeira entrada na escola onde vou leccionar: a apresentação aos colegas... a visita rápida às velhas instalações... a verificação dos equipamentos existentes... a escolha da turma, horário e sala (21 alunos do 1.º ano)... ufff... já estou cansado! :)

    E começou assim a "roda viva"!
    Felicidades a todos os professores, funcionários e alunos!...

    À Ministra da Educação e seu "staff" no Ministério desejo que não sejam adeptos da Filodoxia e que ouçam os apelos que lhes chegam de todos os quadrantes ligados à Educação!

    Se calhar é pedir muito!... :/

    Etiquetas:


     
    AJUDE-ME, CLICANDO NOS BANNERS!... OBRIGADO! AGRADEÇO A SUA PASSAGEM POR ESTE BLOGUE! COMENTE...