Mais do mesmo

Mais do mesmo... mesmo do que é demais! Há 13 anos... VOLTAREI A ESCREVER EM BREVE... maisdomesmo.np@gmail.com

domingo, 28 de outubro de 2007

ACM - Judo

João Neto e Joana Ramos praticam judo. São de Coimbra e, com os seus altos e baixos, próprios de quem pratica qualquer desporto, tentam elevar bem alto o nome da cidade e de Portugal.

Já os tinha visto várias vezes na TV, onde acompanhei algumas das competições onde participaram, mas este fim de semana estive bem perto deles e de muitos outros judocas, assistindo a uma pequena demonstração de judo e ju-jitsu.

Pude verificar melhor o que deve fazer um campeão pela sua modalidade: divulgá-la e atrair mais praticantes.

Numa altura em que tanto se fala que as crianças devem estar "ocupadas a tempo inteiro" com actividades, na escola e fora da escola, esta é uma das boas hipótese para a minha filha, num futuro próximo.



Link alternativo

Etiquetas: , ,

Referendo: sim ou não?

A questão é:

deve haver referendo a propósito do novo tratado da União Europeia?

A minha resposta é: sim!

Porquê?

Porque esta é uma forma de os cidadãos se envolverem mais nas questões europeias, "obrigando" a que haja, por parte da sociedade portuguesa, nomeadamente dos políticos e dos "media", uma verdadeira discussão sobre o que significa o novo tratado.

Por outro lado, a minha resposta é "sim" porque gostava que o Primeiro-Ministro José Sócrates cumprisse uma das suas promessas eleitorais! Ao menos uma...

Etiquetas:

domingo, 21 de outubro de 2007

Parabéns, maninha!



(Link alternativo)

Etiquetas: ,

sábado, 20 de outubro de 2007

Parabéns, mana!



(Link alternativo)

Etiquetas: ,

quinta-feira, 18 de outubro de 2007

Vão matar-nos aos poucos...

in Jornal Público

Docente tem grande dificuldade em falar
Caixa Geral de Aposentações diz que não considerou incapaz professora com cancro na língua
17.10.2007 - 19h45 Lusa

A Caixa Geral de Aposentações (CGA) afirmou hoje que nunca considerou incapaz para o exercício das funções a professora a quem foi retirada parte da língua na sequência de um cancro, deixando a docente com grande dificuldade em falar.

Num comunicado enviado à Lusa, o Ministério das Finanças, que tutela a CGA, explicou que a junta médica a que Conceição Marques foi sujeita, em Janeiro deste ano, "não a considerou incapaz".

"O que sucedeu é que a junta fundamentou o seu parecer médico no sentido da não incapacidade, mas, por lapso, o médico que preencheu o respectivo impresso escreveu sim em vez de não, no campo em que se pergunta se a pessoa está incapaz para o exercício das suas funções. Tal lapso de escrita foi desde logo corrigido pelo médico chefe da CGA, aquando do seu visto", refere a nota da tutela.

Em declarações à Lusa, Conceição Marques, professora do primeiro ciclo na escola básica da Regedoura, em Ovar, explicou que, em 2003, foi-lhe diagnosticado um cancro na língua, tendo sido submetida, em Abril do mesmo ano, a uma cirurgia para retirar uma parte substancial daquele órgão, o que a deixou com grande dificuldade em falar.

Na altura, foi-lhe dada uma baixa médica de 36 meses e, no final desse período, a Direcção Regional de Educação do Centro indicou-lhe que deveria pedir a aposentação por invalidez, um processo que se arrasta desde Novembro de 2005.

"Tenho muitas dores e uma grande dificuldade em falar"

"Tenho muitas dores e uma grande dificuldade em falar, sobretudo depois de algumas horas a dar aulas. Às vezes, durante as aulas, fico com lesões na língua, que começa a sangrar, e tenho de pedir a alguma colega ou funcionária da escola para ficar com as crianças", contou a docente.

Segundo Conceição Marques, que lecciona há 29 anos, a junta médica a que foi sujeita declarou-a permanentemente incapaz para o exercício das funções, mas a decisão acabou por ser anulada pela própria CGA, que alegou que tinha havido um erro no preenchimento dos relatórios.

Perante o incidente, a professora pediu uma junta médica de revisão, para a qual foi chamada já em Agosto deste ano. Na sequência da mesma, a CGA notificou-a para ir a uma consulta de otorrinolaringologia numa clínica do Porto, marcada para ontem, mas, quando lá chegou, disseram-lhe que não havia qualquer marcação e que a consulta não poderia ser realizada por ausência do médico.

Conceição Marques tem agora uma nova consulta agendada para 23 de Outubro, mas, perante o arrastar da situação e os vários incidentes do processo, lamenta que a Caixa Geral de Aposentações "ande a brincar" com a sua vida.

"Não aguento mais dar aulas. Estou física e psicologicamente arrasada. Se eu morrer fico mais barata à CGA", afirmou Conceição Marques.


******************

Vale a pena comentar?!
Eu apenas digo que "eles" não andam a brincar... e repito o que já escrevi aqui há largos meses: "eles" vão matar-nos aos poucos, com as suas políticas, leis e despachos... e pouco falta para começarmos a "cair redondos" na sala de aula, à frente dos nossos alunos!

Etiquetas:

sábado, 13 de outubro de 2007

Procuro um livro

A minha irmã, que está a viver agora em Angola, vai completar mais um aniversário em breve e gostaria de lhe oferecer um presente. Atendendo ao meio em que vive e porque gosta de temas sobre a vida animal, pensei em oferecer-lhe um livro ou um DVD.

"Como lidar com cobras e víboras" é o que tenho em mente, até porque seria juntar o útil ao agradável.

Será que existe? Será que o David Attenborough tem alguma coisa sobre o assunto?

Vim agora da FNAC, mas não encontrei nada.
Se alguém me puder ajudar, agradecia. É, que pensando bem, antes de lhe oferecer o livro ou o DVD, eu próprio aproveitaria para lhe dar uma vista de olhos...

Etiquetas:

sexta-feira, 12 de outubro de 2007

Ouvindo Supertramp

Mais música da minha juventude...



(ou aqui...)

Quem não conhece? Já nem pergunto quem é que não gosta... :)

Mais do mesmo:

The Logical Song

Goodbye Stranger

Crime Of The Century

Ain't Nobody But Me

Hide In Your Shell

Entre outras, estas são algumas das que não me canso de ouvir, tantos anos depois.

(quanto à qualidade do som e imagem... estamos conversados...)

Etiquetas:

quinta-feira, 11 de outubro de 2007

Lei italiana impõe menos peso nas mochilas das crianças

In Jornal Público

Pais franceses lutam também para mudar a lei
Lei italiana impõe menos peso nas mochilas das crianças
11.10.2007 - 17h16 AFP-

Dentro de pouco tempo os alunos italianos irão mais leves para as aulas. O Congresso do país aprovou um projecto de lei no qual se compromete a instituir uma comissão científica que estudará o peso máximo que as crianças poderão levar nas suas mochilas escolares.
De acordo com os dados recolhidos pela imprensa nacional, cerca de 64,19 por cento dos estudantes italianos têm problemas de coluna e 10 por cento desses traumas deve-se ao peso excessivo dos livros que carregam nas mochilas.

O ministério da Educação prevê, também, analisar com os editores a possibilidade de publicar livros mais leves o em vários volumes.

A comissão científica terá, assim, que estudar alternativas ao transporte, nomeadamente a obrigatoriedade de haver cacifos nas salas de aula, onde os alunos possam deixar parte dos livros e dos cadernos.

Em França, a Federação de Associações de Pais trava a mesma luta. Durante todo o mês de Outubro organizarão distintas manifestações para que a lei da saúde pública proteja as costas dos mais pequenos. A organização vai mesmo instalar balanças à porta das instituições pesar o material que os estudantes têm de carregar todas as manhãs.


********************************

Há vários anos que os meus alunos deixam a maior parte dos livros na escola. Só levam para casa o material indispensável para um ou outro "trabalhinho"!

Eu "vou muito à frente"… hehehehe… mas fui criticado várias vezes por tal procedimento! Pois é, não estou em Itália nem na França… :)

(mas não faz mal, tenho "as costas largas"...)

Etiquetas: ,

quarta-feira, 10 de outubro de 2007

Recordar



(Ou então...)

Etiquetas: , ,

Preparada para continuar?



Foi há 9 anos, ladeados por D. Pedro e D. Inês... e muitos familiares e amigos!

Tem valido a pena... e... sou feliz! Obrigado, amor! :)

Etiquetas: ,

terça-feira, 9 de outubro de 2007

RIP

A Fátima era professora. A Fátima estava de baixa.
Os pais da Fátima, já reformados, foram professores e eram eles que agora "cuidavam" dela.

Ontem morreram... num brutal acidente... os três...

Trabalhei um ano lectivo com a Fátima. Foi um ano difícil... mas foi um dos melhores anos da minha carreira: pela relação com as colegas, pela relação com os alunos, pela relação com os pais dos alunos...

Sempre que me lembrar desse ano, vou lembrar-me da Fátima, com quem não voltei a falar, desde o final desse ano lectivo. Nos últimos meses, todos os e-mails que lhe enviava... voltavam... a caixa devia estar cheia.

Estou triste e chocado. Paz às suas almas!...

Etiquetas:

segunda-feira, 8 de outubro de 2007

Eles desvalorizam e riem-se de nós!

O Governo fecha Escolas; as populações protestam; a Ministra desvaloriza...

O Governo fecha Maternidades; as populações protestam, crianças nascem nas auto-estradas; o Ministro desvaloriza...

O Governo fecha Centros de Saúde; as populações protestam, alguns morrem a caminho do Hospital mais perto (que é longe); o Ministro desvaloriza...

O Governo deixa alguns alunos repetirem os exames do 12.º ano; os Tribunais dizem que é ilegal; a Ministra desvaloriza e diz que voltaria a fazer o mesmo...

O Governo impõe um novo Estatuto da Carreira Docente; milhares de professores protestam; a Ministra desvaloriza, dizendo que prefere perder os professores, mas ganhar a população (leia-se votos)...

O Governo altera as regras do concurso a professor-titular durante o decorrer do concurso; o Provedor de Justiça aponta as irregularidades; a Ministra sorri e desvaloriza...

O Governo promete 150 mil novos postos de trabalho; o desemprego cresce; o Ministro desvaloriza...

Deixo uma pergunta aos portugueses:

vão continuar a valorizar este Governo que nos desvaloriza... ou vão desvalorizá-lo no momento certo (leia-se, nas eleições)?

Etiquetas:

sábado, 6 de outubro de 2007

Estado da Nação



Será que o estado da bandeira representa o estado da Nação?

Etiquetas: , ,

Ouvindo Barclay James Harvest

Mais música da minha juventude...



(link alternativo)

Conhecem?

Lembram-se?

Mais do mesmo:

Poor Man´s Moody Blues

Hymn

Mockingbird

Life Is For Living


Pequenas amostras... com a qualidade que o Youtube permite... :)

Etiquetas:

sexta-feira, 5 de outubro de 2007

Movimento na quietude



Depois de ouvir o discurso do Presidente Cavaco Silva nas comemorações da Implantação da República, em que a Educação foi o tema central, nada melhor do que passar alguns momentos de sossego à beira do rio Mondego, participando num namoro fluvial, banhado por uma luz dourada como há muito tempo não via.

Vi ali a sociedade a que Cavaco Silva apelou: pode parecer que está inerte, mas há ali um movimento intrínseco que nada nem ninguém devia ignorar!

Etiquetas: ,

quarta-feira, 3 de outubro de 2007

Ouvindo The Alan Parsons Project

Mais música da minha juventude...



(Em alternativa)

Conhecem?

Lembram-se?

Mais do mesmo:

Old and Wise"...

... Don't Let It Show"...

... Let's Talk About Me"...

... são algumas das minhas favoritas!

(a qualidade do som... é o que se pôde arranjar)

Etiquetas:

segunda-feira, 1 de outubro de 2007

Dia Mundial da Música



(ou aqui)

(com os meus cumprimentos a Chartrand)

Oiçam (e vejam) música... seja lá de que tipo for...

Eu ainda "deliro" a ouvir, por exemplo, os "velhinhos" Pink Floyd.

Etiquetas: ,


 
AJUDE-ME, CLICANDO NOS BANNERS!... OBRIGADO! AGRADEÇO A SUA PASSAGEM POR ESTE BLOGUE! COMENTE...